quinta-feira, 9 de julho de 2015

Nossa história

A Paróquia São Francisco das Chagas foi desmembrada da Paróquia de Santa Teresinha aos 03 de maio de 1962, pelo então Arcebispo Metropolitano de São Luis do Maranhão, Dom José de Medeiros Delgado.

Foi coordenada de início por Frei Francisco Pohlmann, que construiu a Igreja Matriz, a qual foi benta aos 31 de dezembro de 1962, por Dom Felipe Conduru Pacheco, Bispo emérito de Parnaíba (PI).
Foi aos 31 de dezembro de 1964, que Frei Eduardo Albers assumiu a coordenação da Paróquia. Como Pároco estruturou a paróquia, criando o Conselho Paroquial, a cruzada eucarística, a Legião de Maria e grupos de casais.

Já em 1966, a partir de encontros de oração no mês de maio, nas casas, que começou a catequese de adultos na cidade pelos legionários.

Foi a partir de janeiro de 1967 que o tributo sagrado começou a fazer parte dos compromissos dos paroquianos da cidade.

Os párocos com a colaboração dos vigários trabalhando na cidade e no interior, através de cursos administrados no Seminário Catequético organizaram as CEB’s (Comunidades Eclesiais de Base) com o culto da Palavra de Deus aos domingos, para as famílias e a catequese de iniciação para crianças e jovens.

Com a criação da Diocese de Bacabal em 1968, a Paróquia de São Francisco, além de parte de Bacabal, Lago Verde, Olho D’água das Cunhas, incluiu também Pio XII. O total de comunidades em 1977 era de 79.

A Paróquia abrange atualmente metade do município de Bacabal e os municípios de Lago Verde e Bom Lugar, com uma população estimada em 58.949 habitantes, sendo 35.536 na Zona Urbana e 23.413 na Zona Rural. É composta por 100 comunidades sendo 13 na zona urbana (centro e periferia) e 87 na zona rural, agrupadas em 19 regionais, com seus conselhos que orientam, organizam e agem.
São Frades, leigos, assistentes paroquiais, dirigentes, catequistas, jovens que caminham rumo a construção do reino de Deus à frente de pastorais e movimentos atuantes.

0 comentários:

Postar um comentário