Participe!

Você é o nosso convidado especial!

Lembra-te do Senhor nos dias de tua mocidade!

Participe e leve consigo mais um jovem!

sábado, 9 de setembro de 2017

Devoção e Fé na abertura dos festejos de São Francisco das Chagas em Bacabal



Nesta sexta-feira (08), iniciou uma das maiores festas católicas realizada no município de Bacabal. A festa deste ano deve a participação do povo de Deus.


Uma multidão de fiéis participaram da celebração eucarística de abertura dos festejos de São Francisco das Chagas, presidida pelo pároco da Paróquia, Frei Osmar tendo a concelebração de frei Evaldo, Ivaldo e Heriberto, além da ajuda do Diácono Ronaldo Batista. A noite de abertura ainda teve a reinauguração da imagem de São Francisco localizada na Praça da Igreja Matriz.





Com o tema “São Francisco, admirador da Virgem Maria é nosso espelho de missão“ os Festejos do Glorioso São Francisco das Chagas se estenderá até o dia 17 de setembro, com uma grandiosa procissão luminosa e finalizando com a celebração eucarística presidida pelo bispo diocesano de Bacabal (MA), dom Armando Martin.

As novenas serão celebradas a partir das 18h, haverá concentração social todas as noites na praça ao lado da igreja, onde acontecerá quermesses entre outras.

Fotografias: Baiano/Site Cuxa


sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Bispo de Lábrea (AM): REPAM trouxe a força da Laudato si à Amazônia

No dia em que as Igrejas Católica e Ortodoxa convidam a rezar pelo cuidado da Criação, o Papa publicou um ‘tuíte’ em que pede ao Senhor para nos ensinar a contemplá-lo na beleza da Criação e desperte a nossa gratidão e o nosso sentido de responsabilidade em relação a ela.
Na Amazônia, mencionada pelo Papa Francisco na Encíclica Laudato si, é alta a adesão das comunidades ao espírito da Encíclica Laudato si e certamente neste Dia convocado pelo Papa e o Patriarca Bartolomeu,  a oração será intensa e muito participada.
“Eu iniciaria por dizer que o povo da Amazônia, ao menos o da minha Prelazia, é um povo sofredor, acostumado a ser dominado de fora e a que todos aproveitem do que acontece. Então, a força da Laudato si é para as pessoas tomarem consciência de serem eles mesmos, de lutar pela sua terra, pelo seu habitat e pela riqueza da natureza. Certamente, a Encíclica Laudato si deu uma grande força a todos os movimentos que estão nesta linha, nesta tarefa”.
“No final de janeiro, aqui aconteceu o Seminário da REPAM, com este objetivo:lutar pela Amazônia, porque REPAM significa que abrange não só os estados amazônicos do Brasil, mas toda a região que compõem este clima, amazônico”.
“A força apoiada, empurrada, pela Laudato si, está mudando, porque aos poucos, esta tarefa é tão grande, tão imensa, porque são problemas da terra: problemas do rio, da pesca, dos indígenas, dos ribeirinhos… nesta luta, neste trabalho… e com o apoio também do Papa e de sua Encíclica”.  
Nós tomos somos REPAM. Você também! Assista:
Com informações da Rádio Vaticano

Festa de São Francisco das Chagas: Programação 2017


Amandos devotos e devotas,
Paz e Bem!

É com o coração cheio de alegria que convidamos todos a participarem do tradicional festejo de São Francisco das Chagas, no período 08 a 17 de setembro com o tema: “São Francisco, admirador da Virgem Maria, é nosso espelho de missão”. Somos convidados neste ano a vivenciar o amor e a missionariedade de Maria, na qual Francisco de Assis encontrou seu espelho de vida e missão. Desejamos a todos os fiéis devotos de São Francisco das Chagas, que possam vivenciar a graça de ir ao encontro dos nossos irmãos levando a paz e o bem como peregrinos missionários de Deus. Que nosso pai seráfico, São Francisco das Chagas, interceda a Deus por nós, para nos tornarmos missionários de Jesus Cristo, o peregrino da Paz.

Fraternalmente,
Frei Osmar Rodrigues de Jesus, OFM
Pároco
Frei Jaredi Carvalho da Cruz, OFM
Vigário
Conselho Paroquial
                                                                    
ABERTURA DO FESTEJO

08/09 - SEXTA-FEIRA                  
Subtema: “São Francisco, Admirador da Virgem Maria”.
06:30h – Alvorada e Hasteamento da Bandeira e ofício da manhã
07:00h – Café Comunitário
18:30h – Ofício (Apostolado da Oração)
19:00h – Santa Missa
- Liturgia: Apostolado da Oração, Equipe de Liturgia Matriz.
- Noitários: Pastoral Catequética, Pastoral da Criança e Crianças.
- Lanchonete:  Associação de São José, Benfeitores Franciscanos, terço dos Homens e Cohab I.
 -Cultural: Exposição de carros antigos (Amava).

09/09 - SÁBADO
Subtema: “São Francisco, homem de fé ardente”.
06:30h – Missa Irmão Sol
18:30h – Ofício (Legião de Maria)
19:00h – Santa Missa
- Liturgia: Alto da Assunção, Cohab II e III ,Parque Rui Barbosa e COMIPA
- Noitários: PASCOM, Comunicadores e COMIPA.
- Lanchonete: Rua e Trav. Pe. Mohana, Rua Carlos Pereira, Catequese e Ministros.  
 -Cultural: Exposição de carros antigos (AMAVA).

10/09 - DOMINGO
Subtema: “São Francisco, que mostra a nós o caminho da pureza”.
08:00h – Missa (Catequese Matriz)
18:30h – Ofício (Apostolado da Oração)
19:00h – Santa Missa
 - Liturgia: Setor Juventude, Infância Missionária, P.da Juventude e Madre Rosa.
 - Noitários: Juventude, Professores e Estudantes.
 - Lanchonete: Rua Magalhaes de Almeida, R. Antônio Lobo, Apostolado da Oração.

11/09 - SEGUNDA-FEIRA
Subtema: “São Francisco, que respeitava a vida”.
06:30h – Missa Irmão Sol
18:30h – Ofício (Legião de Maria)
19:00h – Santa Missa
- Liturgia: Legião de Maria (Cúria) e Pastoral Terço dos Homens
- Noitários: Pastoral do Idoso, Idosos.
- Lanchonete: R Castelo Branco, Vila Frei Solano e Novo Bacabal.

12/09 - TERÇA-FEIRA
Subtema: “São Francisco, nosso espelho de missão”.
06:30h – Missa Irmão Sol
18:30h – Ofício (Apostolado da Oração)
19:00h – Santa Missa
- Liturgia: Sagrada Família, Jardim Valéria e Associação de São José.
- Noitários: Religiosos (as), Conselhos de Comunidades, Dirigentes e Ministros da Eucaristia.
- Lanchonete: Rua e Trav. Clores Miranda, Praça Firmino Neto, Alto da Assunção e Cohabinha.

13/09 - QUARTA-FEIRA
Subtema: “São Francisco, amigo dos pobres e amante da cruz”.
06:30h – Missa Irmão Sol
18:30h – Ofício (Apostolado da Oração)
19:00h – Santa Missa
- Liturgia: Paróquia de Sant’Ana e São Joaquim e Santa Teresinha, Associação São José Benfeitores Franciscano.
- Noitários: Lavradores, Pecuaristas e comerciantes.
 - Lanchonete: Rua Rui Barbosa, Manoel Alves de Abreu, Rua Trindade Vale, RCC e Parque Rui Barbosa.

14/09 - QUINTA-FEIRA
Subtema: “São Francisco, seguidor do cristo crucificado”.
06:30h – Missa Irmão Sol
18:30h – Ofício (Legião de Maria)
19:00h – Santa Missa
- Liturgia: Alto da Assunção, Cohabinha, Cohab I, OFS e JUFRA.
- Noitários: Profissionais da Saúde e da Segurança Pública e Privada.
- Lanchonete: Rua Maranhão Sobrinho, Mariano Couto, Pastoral da Juventude,
Setor Franciscano, Madre Rosa e Jardim Valéria.

15/09 - SEXTA-FEIRA
Subtema: “São Francisco obediente a Deus na dor”.
06:30h – Missa Irmão Sol
18:30h – Ofício (Apostolado da Oração)
19:00h – Santa Missa
- Liturgia: Vila Coelho Dias, Vila Frei Solano, Novo Bacabal e Pastoral da Criança.
- Noitários: Profissionais Autônomos e Músicos.
 - Lanchonete: Rua 7 de Setembro, Rua Nascimento de Moraes, Cohab II,III.

16/09 – SÁBADO
Subtema: “São Francisco, profeta e defensor da criação”.
06:30h – Missa Irmão Sol
18:30h – Ofício (Legião de Maria)
19:00h – Santa Missa (Presidida por  Dom Frei João Muniz Alves)
- Liturgia: Liturgia da Matriz, Pastoral do dízimo, Irmãs Anjas.
- Noitários: Profissionais Autônomos e Músicos.
- Lanchonete: Bairro São Francisco, Rua 5, Rua da Forquilha, Parque Manoel Lacerda, Catequese. 

17/09 – DOMINGO
Subtema: “São Francisco, agraciado com as chagas de Cristo”.
08:00h – Santa Missa (Catequese)
09:30h – Carreata
11:30h – Almoço com São Francisco
17:00h – Procissão saída: (Praça da cohab I)
19:00h - Missa de encerramento (Presidida por Dom Armando).
- Liturgia: Liturgia Matriz, Conselho Paroquial, Irmãs Anjas.
- Noitários: Fies Devotos de São Francisco, Todas as Comunidades e regionais.
- Lanchonete: Sagrada Família, Pastoral Familiar, Grupo de Oração, Pe. Carvalho, Rua Nunes Pires, Marcos Lacerda, Rua 28 de Julho e Tv. Carlos Pereira.

Com informações da PASCOM.

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Pároco de São Francisco das Chagas batiza 12 internos na Unidade Prisional de Bacabal


Internos da Unidade Prisional de Piratininga, que fica a 15 km da cidade de Bacabal participaram nesta quarta-feira (30.08) da celebração da Santa Missa com rito Batismal promovido pela Paróquia São Francisco das Chagas e Pastoral do Batismo. Cerca de 12 detentos participaram da consagração em uma piscina inflável instalada dentro da unidade.
 
“É de suma importância que tenham uma religião como apoio neste momento em que estão privados de liberdade. O trabalho desenvolvido pelas igrejas contribuem para a ressocialização do indivíduo, tornando menos suscetível a influências negativas”, pontou o pároco e presidente da celebração frei Osmar de Jesus.

A celebração especial foi realizado pelo Pároco de São Francisco das Chagas, Frei Osmar de Jesus e com ajuda dos diáconos Ronaldo e Cecílio, que fazem há muito tempo visitas ao local. 

A felicidade e a emoção eram sentimentos visíveis no rosto dos homens presentes na cerimônia.  “Agora eles têm uma nova família, que é a igreja, que os abraça, numa sociedade onde sofrem preconceito”, ressalta diácono Ronaldo Batista, que enfatiza também os bons resultados com os participantes. "A grande maioria muda de vida sim, percebemos que Deus toca o coração deles", afirmou.

Confira aqui as fotos.

Com informações da PASCOM.

terça-feira, 29 de agosto de 2017

REPAM e Igreja na América Latina repudiam extinção da RENCA

A Rede Eclesial Pan-amazônica, REPAM, publicou a nota "Ouvimos o grito da terra e o grito dos pobres" em que repudia o Decreto Presidencial que extinguiu, quarta-feira (23/08), a RENCA, a Reserva Nacional de Cobre e Associados, na divisa entre o Pará e o Amapá. Confira:
A Rede Eclesial Pan-Amazônica (REPAM), organismo ligado ao Conselho Episcopal Latino-Americano e do Caribe (CELAM), e no Brasil à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), juntamente com a Comissão Episcopal para a Amazônia, da CNBB, por meio de sua Presidência, unida à Igreja Católica da Pan-Amazônia e à sociedade brasileira, em especial aos povos das Terras Indígenas Waãpi e Rio Paru D'Este, vem a público repudiar o anúncio antidemocrático do Decreto Presidencial, altamente danoso,  que extingue a Reserva Nacional de Cobre e seus Associados (RENCA) na última quarta-feira (23).
A reserva
A RENCA é uma área de reserva, na Amazônia, com 46.450 km2 – tamanho do território da Dinamarca. A região engloba nove áreas protegidas,sendo três delas de proteção integral: o Parque Nacional Montanhas do Tumucumaque, as Florestas Estaduais do Paru e do Amapá; a Reserva Biológica de Maicuru, a Estação Ecológica do Jari, a Reserva Extrativista Rio Cajari, a Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Rio Iratapuru e as Terras Indígenas Waiãpi e Rio Paru d`Este. A abertura da área para a exploração mineral de cobre, ouro, diamante, ferro, nióbio, entre outros, aumentará o desmatamento, a perda irreparável da biodiversidade e os impactos negativos contra os povos de toda a região.
Nenhuma consulta popular prévia
O Decreto de extinção da RENCA vilipendia a democracia brasileira, pois com o objetivo de atrair novos investimentos ao país o Governo brasileiro consultou apenas empresas interessadas em explorar a região.Nenhuma consulta aos povos indígenas e comunidades tradicionais foi realizada, como manda o Artigo 231 da Constituição Federal de 1988 e a Convenção 169, da Organização Internacional do Trabalho (OIT). O Governo cede aos grandes empresários da mineração que solicitam há anos sua extinção e às pressões da bancada de parlamentares vinculados às companhias extrativas que financiam suas campanhas. 
Ao contrário do que afirma o Governo em nota, ao abrir a região para o setor da mineração, não haverá como garantir proteção da floresta, das unidades de conservação e muito menos das terras indígenas – que serão diretamente atingidas de forma violenta e irreversível. Basta observar o rastro de destruição que as mineradoras brasileiras e estrangeiras têm deixado na Amazônia nas últimas décadas, com desmatamento, poluição, comprometimento dos recursos hídricos (pelo alto consumo de água para a mineração e sua contaminação com substâncias químicas), aumento de violência, droga e prostituição, acirramento dos conflitos pela terra, agressão descontrolada às culturas e modos de vida das comunidades indígenas e tradicionais, com grandes isenções de impostos, mas mínimos benefícios para as populações da região.
Riscos ambientais e sociais incalculáveis ameaçam o “pulmão do Planeta repleto de biodiversidade" que é a Amazônia, como nos lembra Papa Francisco na carta encíclica Laudato Si, alertando que “há propostas de internacionalização da Amazônia que só servem aos interesses econômicos das corporações internacionais” (LS 38). A política não deve submeter-se à economia e aos ditames e ao paradigma eficientista da tecnocracia, pois a prioridade deverá ser sempre a vida, a dignidade da pessoa e o cuidado com a Casa Comum, a Mãe Terra. Em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, em 9 de julho de 2015, o Papa Francisco não hesitou em proclamar: “digamos não a uma economia de exclusão e desigualdade, onde o dinheiro reina em vez de servir. Esta economia mata. Esta economia exclui. Esta economia destrói a mãe terra”.
Na Laudato Sì, o Papa Francisco alerta ainda que “o drama de uma política focalizada nos resultados imediatos (...) torna necessário produzir crescimento a curto prazo" (LS 178).
Ao contrário, para ele “no debate, devem ter lugar privilegiado os moradores locais, aqueles mesmos que se interrogam sobre o que desejam para si e para os seus filhos e podem ter em consideração as finalidades que transcendem o interesse econômico imediato”, (LS 183).
A extinção da Renca representa uma ameaça política para o Brasil inteiro, impondo mais pressão sobre as terras indígenas e Unidades de Conservação e abrindo espaço para que outras pautas sejam flexibilizadas, como a autorização para exploração mineral em terras indígenas, proibida pelo atual Código Mineral.
Unidos em rede, sem resignação
Por todos esses motivos, nos unimos às Dioceses locais do Amapá e de Santarém, aos ambientalistas e à parcela da sociedade que, por meio de manifestações nas redes sociais e de abaixo-assinados, pedem a imediata sustação do Decreto Presidencial que extingue a Reserva.
Convocamos as senhoras e os senhores parlamentares a defenderem a Amazônia, impedindo que mais mineradoras destruam um dos nossos maiores patrimônios naturais. Não nos resignemos à degradação humana e ambiental! Unamos esforços em favor da vida dos povos que vivem no bioma amazônico. O futuro das gerações vindouras está em nossas mãos!
Que Deus nos anime no mais fundo de nossos corações e nos ilumine e confirme na busca da tão sonhada Terra Sem Males.
Brasília, 28 de agosto de 2017

Dom Cláudio Cardeal Hummes
Presidente da REPAM e da Comissão Episcopal para a Amazônia

Dom Erwin Kräutler
Presidente da REPAM-Brasil e Secretário da Comissão Episcopal para a Amazônia

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Papa Francisco nomeia legado pontifício para festa dos 300 anos em Aparecida

Giovanni Battista Re Le guerre segrete del Conclave GiornalettismoFoi anunciada nesta quinta-feira, dia 17, que o cardeal italiano Giovanni Battista Re, prefeito emérito da Congregação para os Bispos e presidente emérito da Pontifícia Comissão para a América Latina no Vaticano, irá representar o papa Francisco nas celebrações do Tricentenário do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida, marcadas para o período de 10 a 12 de outubro, no Santuário Nacional, em Aparecida (SP).
O cardeal Re já esteve no Santuário de Aparecida, em 2007, quando presidiu a V Conferência do Episcopado Latino-Americano. Em 2011, esteve novamente no Brasil, por ocasião da Dedicação Solene da catedral de Santa Maria Mãe de Deus, em Castanhal (PA), em 27 de fevereiro daquele ano. O purpurado, que é vice decano do Colégio de Cardeais, presidiu o Conclave que elegeu Jorge Mário Bergoglio para o ministério petrino, em 2013.
Celebrações em Aparecida
O Jubileu dos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora será concluído com várias atividades. A partir do dia 1º de outubro, acontecerá uma novena preparatória cuja programação inicia na alvorada e segue até a novena solene com pregação dos bispos e transmissão pelos meios de comunicação do Santuário (TV Aparecida, Rádio Aparecida e Portal A12.com).
A partir do dia 10, haverá programação com momentos de oração, missas, festivais, coroação solene, a inauguração da cúpula do Santuário, procissões e homenagens. No dia da padroeira, quando também será concluído o Ano Nacional Mariano, serão mais de 23 horas de atividades em honra a Nossa Senhora.
Com informações da CNBB.

Comunidade Parque Rui Barbosa receberá imagem de São Francisco


A comunidade católica do Parque Rui Babosa recebe hoje a visita da imagem da Peregrinação de São Francisco das Chagas. A imagem está prevista para chegar às 19h30 na rua Bete Lago, nº 86 no bairro citado. 

Comunidade Parque Rui Barbosa como todos os anos, é a primeira comunidade da zona urbana a receber a peregrinação da imagem de Francisco.

São esperado um número expressivo de paroquianos. A equipe do Conselho Comunitário Paroquial também se fará presente nesta bonita manifestação de fé à São Francisco das Chagas, dando início as comemorações da Festa do padroeiro deste ano em Bacabal.

terça-feira, 15 de agosto de 2017

XXVI Curso de Formação Missionária 2018. Tema: “Missão e Profetismo.”


Estimados irmãos e irmãs, Povo de Deus.

Os atuais cenários, global e nacional, inspiram insegurança! Nosso tempo nos apresenta um conjunto de questões referentes às profundas mudanças culturais que têm suas raízes na modernidade e na sua crise e que se intensificaram com o processo de globalização e com o avanço vertiginoso e desordenado da urbanização. As consequências são muitas: o desenraizamento cultural das populações de cosmovisão rural; a violência da exclusão que cria as mais diversas condições para outras formas de violência; as novas possibilidades criadas pela biotecnologia que têm questionado a ética cristã e nos impõem um novo olhar acerca de nossas certezas antes cristalizadas além de um movimento de corrupção generalizada em nosso País aliados a uma total negligência no tocante ao Meio ambiente. Tudo isso carece de novos questionamentos e pistas…

Urge uma reflexão aprofundada e contextualizada acerca destes cenários! A Igreja não pode ficar em sua zona de conforto. Não podemos esquecer o caráter profético da Pessoa de Jesus Cristo que nos envia em missão num mundo sempre em conflito.

Com esta motivação CONVIDAMOS os irmãos presbíteros, diáconos, as religiosas e os religiosos, leigos e leigas para, à luz do Evangelho, aprofundarmos o tema MISSÃO E PROFETISMO proposto pela XXVI edição do Curso de Formação Missionária que será assessorado por Dom Erwin Kräutler, bispo emérito da Prelazia do Xingu – PA.

O Curso, realizado pelo COMIRE e CEFRAM, espera, com alegria, a participação de pessoas de todas as dioceses do nosso Regional NE V como também dos demais regionais da CNBB.

A coordenação.

I – OBJETIVOS DO CURSO:

Despertar e aprofundar a consciência, missionária nas realidades do Maranhão;
afim de que a Missão seja eixo do processo evangelizador;
e possa ser assumida na prática em cada comunidade, pastoral, movimento, serviço, paróquia, forania, diocese;
colaborando para que haja a passagem da pastoral de mera conservação para a pastoral decididamente missionária;
o que implica atuar na vida do bairro, meio rural, condomínio, centro de cidade, na profissão etc…
II – DESTINATÁRIOS:
Agentes de pastoral, sacerdotes, seminaristas, religiosos(as), leigos(as) que queiram conhecer melhor a dimensão missionária da vocação cristã.

Critérios para a participação: engajamento efetivo nas pastorais e/ou na animação missionária, disponibilidade de participar integralmente do curso (do início ao fim, incluindo os dias 13 e 27 de janeiro), idade mínima de 18 anos; o/a cursista seja enviado/a pela Diocese/Paróquia/Congregação através de uma carta de recomendação e com a assinatura devida e endereço completo.

III – CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

Acolhida com Apresentação, oração e distribuição de tarefas;
Missa de Abertura;
Dinâmica de entrosamento;
Momento Festivo e Cultural;
Análise de Conjuntura Sócio política;
TEMA CENTRAL: MISSÃO E PROFETISMO;
Oficinas;
Organização da Dimensão Missionária da Igreja no Brasil;
Retiro Espiritual;
Jornada Missionária nas comunidades;
Missa de envio, entrega de certificados;
Avaliações e conclusões;
Viagem de Retorno.
IV – ESTRUTURA DO CURSO DE FORMAÇÃO MISSIONÁRIA

DATA INÍCIO: 19/01/2018 – Chegada pela manhã;

TÉRMINO no dia 28/01/2018 ao meio dia;

LOCAL: Centro Franciscano de Animação Missionária – CEFRAM, Bacabal – MA, Fone/ (99) 3621-1420;

E-mail:cefram@franciscanosmapi.org.br

Você também pode fazer sua :Inscrição através do SITE: franciscanosmapi.org.br

Como chegar ao local: da Rodoviária de Bacabal, de táxi ou moto táxi, se dirigir ao Colégio N.Sra. dos Anjos, CONASA-CEFRAM. Quem não tem ônibus direto para Bacabal, chegando em Peritoró, encontrará ônibus ou transporte alternativo com facilidade.

Taxa do curso: R$ 650,00 (seiscentos e cinquenta reais). A inscrição só será confirmada após o recebimento do comprovante de depósito bancário que deverá ser enviado a secretaria do CEFRAM por e-mail: cefram@franciscanosmapi.org.br

Número de vagas: cerca de 80 vagas. Serão preenchidas por ordem de chegada das fichas de inscrição. Favor devolver a ficha de inscrição até o dia 30 de dezembro de 2017.

 V – AVISOS:

Os participantes do Curso tragam caderno para apontamento, Bíblia, Ofício Divino das Comunidades.
Sugerimos que se traga os Doc. de Aparecida e as Diretrizes da CNBB
O Certificado somente para os que tiverem participação integral no curso.
Trazer roupa de cama, repelentes, e roupa de banho e esporte para os momentos de lazer.
Trazer remédios Alopáticos e Homeopáticos para a farmácia comunitária.
Trazer uma apresentação cultural de sua região.
Quem tiver favor trazer fotos, painéis, vídeos, Powerpoint, para exposição das atividades missionárias de sua realidade;
Para os momentos de convivência trazer elementos típicos de sua região: músicas, artesanato, comidas…
Para a brincadeira do amigo você poderá trazer uma lembrança unisex ou comprá-la na livraria do CEFRAM que dispões de produtos religiosos e outros;
Importante: Favor comunicar sua chegada caso seja na madrugada ou anterior ao dia 19;
Para depósitos das inscrições do curso: Banco do Brasil C/c: 2223-3 Ag. 0528-2. Em nome da Província Franciscana de N. Sra. da Assunção. Favor enviar o comprovante de depósito por e-mail: cefram@franciscanosmapi.org.br

Por favor, pedir confirmação do recebimento do seu e-mail!

Saudações Fraternas de Paz e Bem!


Armando Martín Gutiérrez, FAM

Bispo da Diocese de Bacabal

Esmeraldo Barreto Farias

Dimensão Missionária-CNBB/MA

Matias Filho

Coordenadora do COMIRE V

Fr. Gilberto Mágno, OFM

Coordenador do CEFRAM

Realização:

COMIRE- Ne V



Organização:

CEFRAM

Fone: +55 (99) 3621-1420

E-mail: cefram@franciscanosmapi.org.br

Paróquia realiza coletiva de imprensa e lança Cartaz Oficial da Festa 2017

A Paróquia São Francisco das Chagas realizou na manhã do sábado, dia 12 de agosto, uma Coletiva de Imprensa na Secretaria Paroquial, na qual foi oficialmente apresentada o Cartaz do Festejo deste ano que trás como tema: "São Francisco, admirador da Virgem Maria é nosso espelho de Missão" e também as novidades para a festa 2017.
Logo no início foi apresentado o projeto gráfico do Cartaz 2017 pelo pároco de São Francisco das Chagas, Frei Osmar de Jesus, com as informações da composição, como a ideia principal, a temática, elementos visuais de arte, histórico, programação.
Em seguida com a presença da imprensa bacabalense, o pároco fez suas explanações à respeito do Festejo deste ano. Entre elas: Novena 2017, Doações, Caneca personalizada, Peregrinações das missas de ruas etc.
Encerrando a coletiva de imprensa Frei Osmar fez os agradecimentos a imprensa presente que se comprometeram no apoio e divulgação, e deu a bênção de São Francisco para mais um ano com a realização de uma bonita Festa e Novena do Santo Padroeiro.
Confira as fotografias aqui.
Fotografias: Rogério Ouja